Especialidades

Abdominoplastia clássica
Miniabdominoplastia
Abdominoplastia Pós Cirurgia Bariátrica
Lipoescultura
Lipoaspiração
Prótese de Mama
Mastopexia ( Levantamento das Mamas com ou sem Prótese )
Mamoplastia Redutora
Reconstrução de Mama 

Rinoplastia Estética:

Uma de nossas maiores especialidades, a cirurgia plástica de nariz visa corrigir alterações estéticas e/ou funcionais. 

As mais comuns alterações estéticas são: giba (elevação no dorso do nariz por osso e/ou cartilagem), ponta caída, ponta bulbosa  (larga), assimetrias, desvios do nariz, nariz muito  longo, nariz muito projetado, base do nariz alargada, dentre outras. 

As mais comuns alterações funcionais são:   obstrução respiratória, desvios de septo nasal, alterações dos cornetos nasais, dentre outras.

Esclarecendo as principais dúvidas :

Onde é realizada a cirurgia?
Temos como filosofia de trabalho priorizar ao máximo a segurança nas cirurgias, assim, somente são realizadas em Hospitais com infra estrutura completa e retaguarda adequada.  Em sua consulta, as melhores opções serão discutidas com você.

Qual o tipo de anestesia é utilizada?
Para realização de uma rinoplastia pode ser utilizada a anestesia geral ou a anestesia local com sedação a depender de algumas particularidades de cada cirurgia. Atualmente, com o avanço das técnicas anestésicas e maior segurança, a anestesia geral tem sido a mais comumente utilizada, por oferecer conforto e uma grande  segurança  ao procedimento. De qualquer forma, na sua consulta esse tema será melhor discutido e  maiores detalhes serão explanados para seu entendimento.

O que é a técnica aberta e a técnica fechada? Qual a diferença entre elas?
A técnica aberta é aquela na qual é realizada uma pequena cicatriz na região do nariz conhecida por columela. Essa técnica permite a exposição das estruturas do nariz que serão modificadas na rinoplastia, assim,  permite ao cirurgião uma melhor visualização e uma grande precisão cirúrgica. A cicatriz fica praticamente imperceptível. 
A técnica fechada  não utiliza essa incisão na columela e assim o acesso é feito apenas  internamente através da mucosa nasal, também é uma boa técnica e foi a mais utilizada no passado, mas pelo fato de não permitir uma  visualização direta das estruturas nasais é reservada, em nossa rotina, para casos mais específicos, nos quais não há essa necessidade.
 
Qual técnica será utilizada, a aberta ou a fechada? O que isso implica?
Atualmente, em geral damos preferência à técnica aberta na maioria dos casos devido a melhor visualização das estruturas nasais o que permite uma grande precisão técnica. A técnica fechada também poderá ser utilizada em casos específicos, nos quais as vantagens da técnica aberta não se aplicariam. Em sua consulta isso será bem explicado.

O que é rinoplastia estruturada?
Esse termo foi criado já há alguns anos para diferenciar a rinoplastia atual na qual se utilizam enxertos de cartilagem como forma da dar mais suporte e estruturação ao nariz. Assim, hoje quando realizamos uma rinoplastia sempre procuramos dar suporte e estabilidade para que tenhamos um resultado final estável e  permanente. 

Quanto tempo preciso de recuperação?
A recuperação de uma rinoplastia costuma ser tranquila e o paciente normalmente poderá retornar a sua rotina em alguns poucos dias de pós operatório, exceto para atividades esportivas que costuma-se aguardar cerca de trinta dias. 
Vale a pena ressaltar que durante as duas primeiras semanas de pós operatório, estará presente algum tipo de curativo especial sobre o nariz sendo que na primeira semana costuma ser um material de proteção delicado (não usamos mais o gesso como se usava antigamente) e na segunda semana apenas uma microporagem mais discreta.
 Esses curativos ajudam na redução do inchaço e na remodelagem do nariz. Após duas semanas não há mais necessidade de utilizar essas proteções, assim para os pacientes que não desejam exposição de sua cirurgia à terceiros recomendam-se duas semanas de recuperação, contudo, caso a pessoa não se importar isso, poderá retornar ao trabalho antes desse tempo.

Como costuma ser o pós operatório?  Sentirei dor?
A rinoplastia não é uma cirurgia dolorosa, assim os pacientes não costumam sentir dor. Poderá  haver algum incômodo pela sensação de nariz obstruído e às vezes poderá escorrer um pouquinho o nariz nos primeiros dias, semelhante a um resfriado, devido ao inchaço da mucosa nasal. A melhora desses sintomas varia de cada pessoa, mas em geral  ocorre por volta de 10 a 15 dias de pós operatório.

Quanto tempo precisarei esperar para ver o resultado da cirurgia?
O resultado da rinoplastia já será perceptível logo após a retirada do curativo, com cerca de 15 dias de pós operatório, no entanto, ainda com um inchaço geral. 
Por volta e 30 a 40 dias de pós operatório, o inchaço já estará bem menor e já será possível ter uma boa idéia do resultado final.
Algum grau de inchaço menor ainda pode estar presente nessa fase e irá regredir ao longo do tempo, variando entre cada pessoa, assim costumamos considerar um resultado final após cerca de 6 meses da cirurgia. 

Como é realizado o acompanhamento de minha cirurgia no pós operatório?
Na Clinica Zampar, o paciente é acompanhado de forma personalizada, com retornos regulares e periódicos para todas as cirurgias, até  o momento da alta,  quando há estabilização dos resultados. Esse tempo se seguimento pode variar de cada caso.

Reconstrução Nasal (Deformidades Nasais Congênitas ou Adquiridas): 

Podem ser congênitas representadas por deformidades ou mesmo  ausência de partes que compõem o nariz. 
As adquiridas podem ser decorrentes de tumores, traumas como acidentes, queimaduras ou mesmo  iatrogênicas após um procedimento médico.




Lifting  da Face- Terço Médio 
Lifting da Face- Terço Inferior 
Lifting  da Testa- Endoscópico 
Lifting da Testa- Não Endoscópicos 
Lipoenxertia Facial
Blefaroplastia Superior
Blefaroplastia Inferior
Reconstrução Palpebral (Deformidades Palpebrais Congênitas ou Adquiridas)

Enxerto de Gordura nos Glúteos
Prótese de Glúteo
Otoplastia (Orelhas em Abano)
Reconstrução da Orelha (Deformidades Congênitas ou Adquiridas)
Prótese de Queixo
Mentoplastia Óssea
Quelóides, Queimaduras, Tumores Cutâneos, Traumas de Face, dentre outras.